Orestes Quércia é ficha limpa ou ficha suja?

O fato de alguém ser processado não significa que ele é culpado e esse cuidado foi tomado na Lei da Ficha Limpa que prevê a suspensão da elegibilidade com condenação transitada em julgado. Porém, o mesmo bom senso adotado pelos criadores da Lei não parece característica de alguns desavisados que teimam em condenar o Quércia por crimes que nem a justiça o condenou ou até daqueles pelos quais ele já foi absolvido. Isso é um absurdo!

Como nem sempre suas ações agradam o lado opositor, Quércia fica vulnerável as manobras políticas e maldosas de seus opositores que vivem esperando uma oportunidade para prejudicá-lo. Isso não significa que ele tenha cometido crimes ou falhas. São apenas interesses diferentes.

De fato, Quércia tem alguns processos e até já foi condenado, como acontece com todo homem público que vai contra os interesses de alguns poderosos, porém, nada de grave foi provado contra ele até hoje e a sua ficha é e sempre foi limpa!

Geralmente ele é citado como ficha suja pelo caso Banespa, mas o que poucos sabem, é que na época, uma CPI o absolveu e hoje, Quércia tenta, na justiça, fazer com que os verdadeiros culpados reembolsem os cofres públicos.

Quércia nunca se eximiu de arcar com as conseqüências de seus atos e nunca se acovardou perante as acusações injustas e até caluniosas que recebeu ao longo de sua trajetória política. Tanto, que apóia a Lei da Ficha Limpa e não tem medo de mostrar o rosto e dizer o que pensa.

Um governador que consegue aprovação recorde durante um mandato em um Estado tão grande e importante quanto São Paulo não pode ser tratado com acusações como vejo por ai. Quércia merece respeito por sua trajetória política admirável e vitoriosa….

Acho que os brasileiros deveriam estar preocupados com alguns pseudopolíticos que se aproveitam de sua popularidade obtida na carreira artística ou sabe lá Deus como, e ganham votos para depois esquecer o povo, coisa que o Quércia nunca fez.

Além de ser aplicada nas eleições de 2010, Lei do Ficha Limpa (Lei Complementar 135) poderá impedir registro de candidatos que tenham sido condenados por órgão colegiado antes da publicação da norma e, ainda, aumentar prazos de inelegibilidade de três para oito anos para quem está sendo processado ou já foi condenado com base na redação anterior da Lei das Inelegibilidades. 
O ex-governador Orestes Quércia é pré-candidato ao Senado por São Paulo e está apoiando Geraldo Alckmin para governador e José Serra para presidente tem condenação por orgão colegiado, a dúvida que fica, é ficha limpa ou suja? Ver no link abaixo.
Em 20.11.2009 – Mantida a condenação de Orestes Quércia
O candidato ao Senado por São Paulo coligado com os tucanos, Orestes Quércia, entrou com pedido de embargos de declaração. Tentando com isso ser considerado livre para lançar sua candidatura, só que até agora não deu certo.
O Supremo Tribunal de Justiça negou o pedido de revogação da condenação contra ex-governador Orestes Quércia
A Segunda Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo que condenou o ex-governador Orestes Quércia a devolver R$ 69 mil aos cofres públicos do estado, em ação de improbidade movida pelo Ministério Público. Por unanimidade, a Turma não conheceu o recurso especial ajuizado pelo ex-governador. Ver no link abaixo. 
Em 08.06.2010 – A justiça rejeita pedido de Quércia
Afinal, Orestes Quércia é Ficha limpa ou Ficha suja?

 
Anúncios
Esse post foi publicado em Não categorizado e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s